InícioEditorialPolítica NacionalBoulos e Nunes estão tecnicamente empatados na disputa pela Prefeitura de São...

Boulos e Nunes estão tecnicamente empatados na disputa pela Prefeitura de São Paulo, aponta pesquisa

O Instituto Datafolha divulgou nesta segunda-feira (11) uma pesquisa sobre a disputa pela Prefeitura de São Paulo nas eleições de outubro deste ano. Pela primeira vez desde que anunciaram suas pré-candidaturas, Guilherme Boulos, do Psol, e o atual prefeito Ricardo Nunes, do MDB, estão empatados tecnicamente. No primeiro cenário, com todos os pré-candidatos, o deputado federal tem 30% das intenções de voto contra 29% do emedebista. O levantamento também apontou um surpreendente crescimento de Maria Helena (Novo). Ela aparece na quarta posição, com 7%, apenas um ponto atrás de Tabata Amaral (PSB), a terceira colocada. Também foram listados Kim Kataguiri (União Brasil), que alcançou 4%, e Altino (PSTU), com 2%.

Em uma projeção sem Kim Kataguiri a briga pela liderança fica invertida, com Nunes um ponto a frente de Boulos. Em outro cenário, sem Kim e Tabata — e com possível unificação das siglas de esquerda e centro-esquerda em torno de Boulos —, os dois rivais empatam com 33% cada. Marina Helena tem 8%, Altino, 2%. Brancos ou nulos somam 17% nessa projeção, com 7% de indecisos.

cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Os resultados refletem uma melhora na avaliação do prefeito, que tinha 23% de aprovação em agosto e agora marcou 29%. Boulos é mais votado entre a elite, alcançando 42% entre quem tem ensino superior. Nunes, por sua vez, tem 34% entre católicos e 37% entre evangélicos. Tabata tenta furar a polarização mirando em Nunes e em Boulos, contando com o apoio dos ex-governadores Geraldo Alckmin (PSB) e Márcio França (PSB). No entanto, ela havia desempenhado melhor na pesquisa anterior, de agosto, com 11% das intenções, embora os levantamentos não sejam comparáveis, pois os concorrentes não são os mesmos.

A pesquisa aponta que Boulos é o pré-candidato mais rejeitado na corrida pela Prefeitura de São Paulo, com 34% dos eleitores afirmando não votar nele de forma alguma. Já o atual prefeito é rejeitado por 26% dos eleitores, atrás também de Kataguiri (32%) e Altino (27%), apesar de o candidato do PSTU não ser conhecido por 76% dos entrevistados. Entre os menos rejeitados estão Tabata Amaral, com 19%, e Marina Helena, com 18%. Sete por cento afirmam rejeitar todos os candidatos, enquanto 2% não rejeitam nenhum.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Família é Tudo: Vênus se atraca com bandido, tenta fugir e corre risco

Reprodução 1 de 1 Foto colorida de Venus - Metrópoles ...

Oposição vê indicados de Lira perdendo força e planeja lançar candidato próprio para presidência da Câmara

O Congresso Nacional se prepara para escolher os novos substitutos dos presidentes da Câmara,...

Governo cria sistema de combate à violência nas escolas

Decreto determina assessoramento “às escolas consideradas violentas” e apoio psicossocial a vítimas de violência,...

Mais para você