InícioNotíciasPolicialBrasileiras são soltas na Alemanha após comprovação de que malas foram trocadas

Brasileiras são soltas na Alemanha após comprovação de que malas foram trocadas

As brasileiras Jeanne Paollini e Kátyna Baía foram soltas na manhã desta terça-feira (11). Elas estavam presas na cidade de Frankfurt, na Alemanha, desde o início de março. 

As duas foram acusadas de tráfico de drogas após a polícia alemã interceptar duas malas em nome delas com 40kg de cocaína. Recentemente, no entanto, filmagens comprovaram que houve uma troca de etiquetas e que os itens não pertenciam às brasileiras.

As investigações lideradas pela Polícia Federal do Brasil mostrou que as mulheres saíram do aeroporto de Goiânia e que a troca ocorreu durante a conexão dela em Guarulhos, onde embarcaram em um avião em direção a Frankfurt.

Jeanne, médica veterinária, e Kátyna, empresária, são casadas.

Agora o foco da PF é desmantelar o grupo criminoso que realizou a troca das malas. Uma operação foi realizada na semana passada, onde foram vumpridos seis mandados judiciais de prisão temporária contra funcionários de empresas terceirizadas que atuam dentro do aeroporto para as companhias aéreas.
 

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Lira e Juscelino comemoram São João em granja de Aguinaldo Ribeiro

Deputado recebe presidente da Câmara e ministro das Comunicações em Campina Grande, na Paraíba ...

Juliette não teve autorização da família Gonzaga para adaptar música

Daniel Gonzaga, neto de Luiz Gonzaga, decidiu se manifestar sobre a polêmica em torno...

Leilão do arroz: com polêmica, ministro pede saída de diretor da Conab

Com a polêmica da anulação do leilão de arroz, o ministro do Desenvolvimento Agrário,...

Tarcísio diz que escolas cívico-militares promovem “direitos humanos”

Governador de São Paulo defendeu modelo de educação em manifestação a Gilmar Mendes; STF...

Mais para você