InícioEditorialEntretenimentoLipedema: saiba opções de tratamento da condição de Yasmin Brunet

Lipedema: saiba opções de tratamento da condição de Yasmin Brunet

A modelo e empresária Yasmin Brunet falou sobre lipedema e compulsão alimentar, nesta quarta-feira (24/4), durante o programa “Encontro”, da Globo. Os dois problemas de saúde dela foram revelados ao público durante a participação dela na edição mais recente do Big Brother Brasil (BBB).

“A compulsão nunca vem sozinha. Então, é depressão, é ansiedade… trato desde os meus 13 anos de idade. Imaginei que, quando entrasse na casa, minha compulsão iria aparecer porque é muito estresse e ansiedade”, desabafou Yasmin.

Em relação ao lipedema, Yasmin disse que sentia muita dor e desconforto e, após sair da casa, procurou ajuda médica para lidar com a condição. “Lá [no confinamento] ficou horrível. Sentia muita dor, desconforto e pressão. Minha perna ficou gigante. Quando saí, encontrei um médico incrível que está me ajudando muito”, disse a modelo.

Tratamento com dieta A empresária contou que, a princípio, não pretende realizar uma cirurgia para controlar o lipedema e que, sua primeira alternativa, é a realização de uma dieta anti-inflamatória.

O lipedema é caracterizado pela distribuição desigual de gordura no corpo que, geralmente, se acumula nas pernas, coxas, quadris e, às vezes, nos braços. As mulheres são as mais afetadas pelo lipedema.

De acordo com o cirurgião plástico Fernando Amato, há várias possibilidades de intervenção para controlar o problema. “A cirurgia deve ser o último recurso e está indicada apenas quando não há melhora da condição com os tratamentos terapêuticos e estabilização dos sintomas”, aponta.

Saiba as opções de tratamento Atividades físicas: exercícios sem impacto, como hidroginástica, são ótimas opções para os pacientes; Fisioterapia: drenagem linfática e compressão elástica auxiliam no alívio dos sintomas; Alimentação: dieta cetogênica ou com restrições de alimentos com poder inflamatório apresentam bons resultados para o controle dos sintomas;  Medicamentos: não existem medicamentos específicos para o lipedema, porém, alguns fitoterápicos podem ajudar na melhora dos sintomas; Cirurgia: O tratamento cirúrgico deve ser a última opção. Somente depois de tentar o tratamento clínico e, de preferência apresentando alguma melhora, mesmo que parcial, deve ser indicada a lipoaspiração. Siga a editoria de Saúde no Instagram e fique por dentro de tudo sobre o assunto!

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Companhias aéreas anunciam voos em Canoas como alternativa a Porto Alegre

As companhias aéreas Azul e Latam anunciaram a oferta de voos com origem ou...

Moro brinca e diz que “boatos sobre cassação foram exagerados”

Senador e ex-juiz parafraseia Mark Twain e celebra “julgamento unânime, técnico e independente” em...

Após TSE absolver Moro, advogado do PL já fala em recurso ao STF

1 de 1 Senadores Sérgio Moro União-PR no senado federal - Metrópoles ...

Mais para você