InícioNotíciasPolíticaPlano de segurança do DF em 8 de Janeiro será teste para...

Plano de segurança do DF em 8 de Janeiro será teste para Cappelli

Hugo Barreto/Metrópoles @hugobarretophoto

1 de 1 Imagem colorida do secretário-executivo no Ministério da Justiça, Ricardo Cappelli, em Brasília – Foto: Hugo Barreto/Metrópoles

@hugobarretophoto

O presidente Lula (PT) deixará para depois do 8 de Janeiro a decisão de quem será o novo ministro da Justiça e Segurança Pública. Até lá, quer manter Flávio Dino no cargo para que ele participe do ato pela democracia, marcado para a próxima segunda-feira (8/01), no Congresso Nacional.

Até lá, o ministro interino da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, finaliza os últimos preparativos para o plano de segurança do Distrito Federal, sobretudo na Esplanada dos Ministérios. É esperada uma pequena manifestação de “patriotas” no local, mas eles não devem passar do Museu Nacional da República.

Cappelli terá esses 7 dias próximos para mostrar trabalho e eficiência no plano de segurança. Para o grupo que quer mantê-lo no cargo, encabeçado por Dino, o planejamento é considerado primordial.

O Ministério da Justiça trabalha com a expectativa de pequenas manifestações de apoiadores de Jair Bolsonaro (PL) em pontos do Brasil. Os chamamentos estão sendo feitos nas redes sociais, mas não representam grande perigo devido à baixa adesão.

Quais assuntos você deseja receber?

Notícias GeraisBrasilDistrito FederalSão PauloEsportesVida & EstiloSaúdeGastronomiaCelebridadesEntretenimentoPets

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

Mais opções no Google Chrome

2.

Configurações

4.

Notificações

5.

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.com

Você quer ficar por dentro da coluna Blog do Noblat e receber notificações em tempo real?

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Entenda a negociação entre Brasil e Paraguai sobre Itaipu

Governos dos 2 países discutem tarifas de 2024 e revisão do chamado anexo C...

Mendonça dá 60 dias para empresas renegociarem acordos com Lava Jato

O ministro André Mendonça, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu prazo de 60 dias...

Moraes derruba decisões de Receita e Carf contra Globo e atores

Depois de decisões favoráveis do ministro Cristiano Zanin e da Primeira Turma do STF,...

Canadá propõe regras para atuação de plataformas digitais

A Lei de Danos On-line foi apresentada ao Parlamento pelo governo de Justin Trudeau;...

Mais para você