InícioEditorialNotíciasLiderança feminina: Mentoria para mulheres ajuda no desenvolvimento de carreiras

Liderança feminina: Mentoria para mulheres ajuda no desenvolvimento de carreiras

A liderança feminina tem se tornado cada vez mais relevante em diversos setores profissionais. Um estudo de 2020 da Organização Internacional do Trabalho, realizado em 115 países, revelou que cerca de 73% de todos os cargos de gerência são ocupados por homens e que, em geral, as mulheres ganham 14% a menos do que seus pares masculinos.

Reconhecendo a importância de proporcionar suporte específico às mulheres em suas trajetórias, muitas empresas e profissionais investem na mentoria como uma solução eficaz para reduzir essas desigualdades.

“Por meio da mentoria , as mulheres têm a oportunidade de aprender com a experiência de outras profissionais, receber orientação personalizada e expandir suas redes de contatos. A mentoria oferece um espaço seguro para discutir desafios, adquirir habilidades essenciais e desenvolver confiança para assumir posições de liderança. É uma oportunidade única de crescimento profissional e pessoal, impulsionando a trajetória das mulheres”, afirma Karina Alonso, psicóloga e mentora profissional.

Ao participar de um programa de mentoria, as mulheres têm a oportunidade de receber orientação individualizada de profissionais experientes que já trilharam caminhos similares. Segundo Alonso, esses mentores podem fornecer conselhos práticos e oferecer apoio emocional.

A mentoria profissional para mulheres também desempenha um papel importante na promoção da diversidade e inclusão nas empresas. Ao fornecer suporte específico e encorajamento às mulheres, esses programas contribuem para quebrar barreiras e superar estereótipos de gênero, abrindo caminho para uma maior representatividade feminina em cargos de liderança.

Uma iniciativa da Copasa, por exemplo, pretende elevar para 37% o percentual de mulheres em cargos de liderança até 2025. A meta faz parte do compromisso da companhia com o Movimento Elas Lideram 2030, uma iniciativa do Pacto Global da ONU Brasil e ONU Mulheres que tem como objetivo a promoção de paridade de gênero na alta liderança das organizações. Até 2030, todas as empresas que fazem parte da iniciativa devem chegar a 50% de mulheres em cargos estratégicos.

“A mentoria profissional oferece um espaço seguro para discutir questões relacionadas ao equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, o enfrentamento de desafios profissionais e o desenvolvimento de habilidades de liderança. Ao receber orientação especializada, as mulheres podem aprimorar sua confiança, expandir sua visão estratégica e adquirir as ferramentas necessárias para alcançar o sucesso em suas carreiras”, defende Alonso.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Como abrir uma agência de viagens?

Abrir uma agência de viagens pode ser uma ótima oportunidade para empreendedores apaixonados por...

Como atrair clientes para loja?

Atrair clientes para a sua loja é essencial para o sucesso de qualquer negócio....

Como saber se tenho TOC?

O Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC) é uma condição de saúde mental caracterizada por pensamentos obsessivos...

Como tirar vermelhidão da pele?

A vermelhidão na pele pode ser causada por vários fatores, desde reações alérgicas até...

Mais para você