InícioEditorialPolítica NacionalPacheco diz que vai discutir CPI do 8 de janeiro em reunião...

Pacheco diz que vai discutir CPI do 8 de janeiro em reunião com líderes

Presidente do Senado também vai consultar os parlamentares que assinaram o requerimento de autoria de Soraya Thronicke; em ação no STF, senadora fala em ‘omissão’ do colega

Jefferson Rudy/Agência Senado

Posicionamento de Rodrigo Pacheco aconteceu após o ministro Gilmar Mendes pedir informações sobre a instalação da CPI 

O presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), vai discutir a instalação da CPI dos Atos Antidemocráticos com líderes partidárias nesta terça-feira, 28. Em conversa com jornalistas, Pacheco afirmou que vai consultar os senadores que assinaram o pedido para instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre a manutenção das assinaturas, uma vez que houve mudança no quadro dos parlamentares. Segundo ele, havendo a retificação, será feita a leitura do requerimento de instalação, de autoria da senadora Soraya Thronicke (União Brasil-MS). “A CPI foi requerida na legislatura passada com as assinaturas suficientes e os fatos determinados, agora precisamos consultar os senadores que assinaram. (…) Havendo fato determinado, número suficiente de assinaturas e orçamento definido, ela erá lida e poderá ser instalada”, afirmou o presidente da Casa. “Havendo as condições para os senadores dessa legislatura, não resta à presidência outra alternativa. Depois passa para outro momento que é indicação dos membros para ter instalação ou não”, completou. O posicionamento de Rodrigo Pacheco aconteceu um dia após o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, determinar que o senador, no prazo de 10 dias, apresente informações sobre a instalação da CPI dos Atos Antidemocráticos. A decisão acontece em resposta a uma ação da senadora Soraya, que pede a leitura inicial do requerimento, procedimento necessário para a instalação do colegiado no Senado. No mandado de segurança, a parlamentar fala em “omissão do presidente do Senado ao deixar de dar andamento ao requerimento de instalação de CPI”.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Homem com fuzil é preso perto de convenção republicana

Segurança no local do evento foi reforçada após o ex-presidente dos EUA Donald Trump...

Anderson Torres aposta em reviravolta para não ser expulso da PF

Vinícius Schmidt/Metrópoles 1 de 1 PF Anderson Torres ex-secretário de Segurança Pública do DF,...

Chiquinho diz que é “vítima” e que relação com Marielle era “maravilhosa”

Na Câmara, deputado nega envolvimento com milícias; Domingos Brazão, irmão do congressista, também prestou...

Bambambã: juiz diz que empresário agiu de forma articulada e violenta

Dono do bar Bambambã – localizado na 408 Norte, em Brasília – Gabriel Ferreira...

Mais para você