InícioEditorialPolítica NacionalPF cumpre operação na casa de homem que quebrou relógio no Palácio...

PF cumpre operação na casa de homem que quebrou relógio no Palácio do Planalto

Antonio Claudio Alves Ferreira, de 30 anos, foi preso na segunda-feira, 23, por agentes de segurança de Uberlândia (MG)

Reprodução/TV Jovem Pan

Manifestante destrói relógio centenário trazido ao Brasil por Dom João VI

A Polícia Federal (PF) cumpriu nesta terça-feira, 24, no município de Catalão, em Goiás, um mandado de busca e apreensão na residência do homem que destruiu o relógio centenário de Dom João VI, no Palácio do Planalto, durante os atos de vandalismo no último dia 8. Na ação, foram apreendidos um celular, um veículo e uma caderneta contendo anotações. De acordo com a PF, “as investigações para identificação das pessoas que participaram, financiaram ou fomentaram os fatos ocorridos em Brasília continuam em curso”, informou por meio de nota. Na segunda-feira, 23, a corporação prendeu Antonio Claudio Alves Ferreira, identificado como o autor de quebrar o relógio. Nascido em cidade de Catalão, sua detenção ocorreu na cidade de Uberlândia, em Minas Gerais. O rapaz foi detido de maneira preventiva após solicitação da PF e autorização do Supremo Tribunal Federal (STF), no âmbito da Operação Lesa Pátria. Interrogado na Polícia Federal da cidade mineira, Antonio passará por audiência de custódia virtual e, em seguida, será encaminhado ao sistema prisional municipal. Sobre o relógio, ele veio ao Brasil em 1808 por determinação de Dom João VI.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Homem com fuzil é preso perto de convenção republicana

Segurança no local do evento foi reforçada após o ex-presidente dos EUA Donald Trump...

Anderson Torres aposta em reviravolta para não ser expulso da PF

Vinícius Schmidt/Metrópoles 1 de 1 PF Anderson Torres ex-secretário de Segurança Pública do DF,...

Chiquinho diz que é “vítima” e que relação com Marielle era “maravilhosa”

Na Câmara, deputado nega envolvimento com milícias; Domingos Brazão, irmão do congressista, também prestou...

Bambambã: juiz diz que empresário agiu de forma articulada e violenta

Dono do bar Bambambã – localizado na 408 Norte, em Brasília – Gabriel Ferreira...

Mais para você