InícioNotíciasPolíticaTorcedor dá bronca em PM, acaba desmascarado e vai preso no Allianz

Torcedor dá bronca em PM, acaba desmascarado e vai preso no Allianz

São Paulo – O torcedor Cícero Ivânio Ferreira do Nascimento, de 45 anos, foi preso no Allianz Parque, na zona oeste da capital paulista, após dar uma bronca em um policial militar (PM), acabar averiguado e descobrirem que ele estava foragido por tentativa de homicídio.

O caso aconteceu durante o jogo entre Palmeiras e Bahia, válido pela série A do Campeonato Brasileiro, nesse domingo (7/7). Condenado por atacar um homem a facadas, Cícero era considerado foragido da Justiça desde fevereiro de 2023.

Segundo o boletim de ocorrência, obtido pelo Metrópoles, Cícero decidiu abordar um sargento da PM, durante a partida, para denunciar um bingo clandestino que estaria em funcionamento na região do estádio. O agente, no entanto, o orientou a acionar uma viatura do batalhão local, por ligação para o 190.

“Cícero, de moto desrespeitoso, passou a afrontar o sargento, dizendo que ‘pagava o salário dos policiais, que tudo estava sendo filmado e que ele iria denunciar os policiais para a Corregedoria, pois não estava sendo atendido’”, diz o documento, registrado no 91º Distrito Policial (Ceagesp).

Ao pesquisar os dados do torcedor, o PM descobriu que havia um mandado de prisão em aberto, expedido pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP). O processo já tinha sentença.

Tentativa de homicídio Cícero foi acusado de tentar matar um homem que xingou o seu cunhado de “carniça” no dia 3 de junho de 2011. Segundo o processo, ele deu uma facada no pescoço da vítima, que sobreviveu ao ferimento.

O julgamento tramitou na 2ª Vara Criminal da Comarca de Barueri, na Grande São Paulo. Inicialmente, o acusado chegou a ficar preso, mas recebeu o direito de responder à ação em liberdade.

Em 2023, Cícero não apareceu para o Tribunal do Júri e foi julgado à revelia. Na ocasião, acabou condenado a 8 anos de prisão em regime inicial fechado.

A defesa do condenado recorreu da decisão e conseguiu reduzir a sua pena, na segunda instância, para 6 anos e 8 meses de reclusão.

Integrante de facção Durante a mesma partida, a PM prendeu Rogério Barbosa da Silva Gois, o R6, de 26 anos, acusado de integrar uma facção criminosa que disputa o tráfico de drogas em Salvador (BA).

Segundo o Ministério Público da Bahia (MPBA), R6 faz parte do bando que domina o tráfico no Calabar, na capital baiana, e estaria envolvido no aumento de mortes violentas na região.

Ele e outros 22 investigados foram denunciados em abril de 2023. De acordo com a Promotoria, a facção era liderada por Averaldo Ferreira da Silva Filho, o Averaldinho, que havia sido preso no mês anterior à acusação.

Na denúncia, R6 é citado como parte do grupo que exercia atividades de “vendedor, olheiro, entregador e gerente”. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) afirma que ele já tinha passagem por tráfico de drogas.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Gestão de processos: conheça 8 vantagens

A gestão de processos é uma abordagem estratégica que visa otimizar as operações de...

Dicas para Implementar Práticas de ESG na Empresa

Implementar práticas de ESG (Environmental, Social, and Governance) em uma empresa não é apenas...

Kamala tem 44% dos votos contra 42% de Trump, diz pesquisa

Levantamento da “Reuters”/Ipsos foi feito após desistência de Biden e confirmação do ex-presidente como...

MP quer saber onde estão os animais do zoo de Beto Carrero World

Divulgação 1 de 1 Imagem colorida do Beto Carrero - Metrópoles ...

Mais para você